sábado, 8 de abril de 2017

[AÇÃO GAMES 003] MOONWALKER (Arcade)



Ah, os anos 80! Uma época de penteados inexplicáveis e bom gosto duvidoso... bem diferente de hoje em dia... que são perfeitamente resumidos pela maior figura do entretenimento da época: Michael Jackson!

Sim, eu sei, hoje pensamos em um Michael diferente mas ninguém pode negar que ele é um dos maiores artistas que já andou de moonwalk neste planeta. Se você acha que acampar 6 meses para ver o Justin Bieber é grande coisa, na época os adolescentes teriam dado qualquer coisa para uma viagem de pijamas para o rancho Neverland... caham...

O ponto é que Michael não era só o rei do pop, mas sim um grande fã de toda a cultura pop e a lista de produções que ele tentou participar é muito grande incluindo desde Doctor Who (sim, houve uma possibilidade de Michael Jackson ter sido o 8o Doutor) até interpretar Jar Jar Binks no episódio 1. O que, antes do lançamento, era uma grande coisa - saiba você.

Michael Jackson: um artista de grande penetração em todas
as camadas sociais.
Seja como for, nosso nerd milionário favorito acabou fazendo por fim o seu próprio filme. Como parte de uma estratégia multimídia, houve um filme e vários videogames lançados com base nas estripulias de Michael Jackson. O título era "Moonwalker" e o tema era... bem... , até hoje eu não entendo esse filme. Não acho que tenha alguém que entenda, honestamente. Sei que tinha um traficante chamado Mr. Big interpretado por Joe Pesci, que sequestrava um grupo de crianças... e algo sobre estrelas cadentes... e um coelho em stop-motion... é, tenho que ver esse filme de novo.

O filme e jogo coincidiram com o lançamento da nova canção de Michael, "Smooth Criminal", que também girava em torno desse tema, com Michael sendo algum tipo de "bom" gângster. Eu acho. O filme ainda confunde as pessoas hoje em dia. É uma confusão terrível, sobre se ele é uma bosta ou se é a maior coisa que a raça humana já criou. Ninguém pode dizer com certeza.

Mas uma coisa que é inegável:  o jogo era figurinha carimbada em qualquer fliperama dos anos 90. Você sabia que estava no mesmo hemisfério que uma máquina dessas quando ouvia o gritinho de "OWWW" em 16 bits de Michael.

Unlimited PoOOOOOWWWWWWer!!
As versões do Mega Drive e arcade, foram desenvolvidos pela Sega. Em particular, o jogo do Genesis foi desenvolvido pelo que um dia se tornaria a Overworks, desenvolvedores de Shinobi, Streets of Rage e Skies of Arcadia, explicando sua semelhança um tanto estranha com o Shinobi III. Alguns dos efeitos sonoros foram ainda utilizados mais tarde em Sonic the Hedgehog, incluindo o famoso efeito sonoro do "anel". Claro, você não saberia isso jogando o jogo porque só o nome de Michael Jackson aparece nos créditos. Sério, conforme o jogo ele fez tudo completamente sozinho!

Cool, huh?

Existem dois jogos Moonwalker completamente diferentes, ambos feitos pela Sega: um para o arcade e outro para o Mega Drive. Eu vou trapacear aqui e jogar a versão do Arcade, mesmo que tenha saído na Ação Games sobre a versão do Mega Drive porque, honestamente, a versão do Mega é muito ruim. Tipo muito, mesmo.

O AVGN fez um video sobre ela e eu não teria muito a acrescentar sobre o tema:



Alguns arcades suportavam até 3 jogadores, o que significa até 3 Michael Jacksons na tela ao mesmo tempo. Se isso não é razão o suficiente para esse jogo chamar sua atenção, então tem algo errado com você.

Cada fase em Moonwalker começa com uma introdução em quadrinhos no qual o terrível vilão Mr. Big sequestra uma criança e Michael responde gritando "WOW!!!" para intimida-lo. Eu acho. É dificil dizer qualquer coisa com certeza sobre o que eles pretendiam com qualquer coisa que envolva o projeto Moonwalker. Sério. É tão ridiculo quanto soa. Amei. 

Pois eu invoco o MECHAMICHAEL em modo de ataque!
A primeira fase se passa em uma caverna ... que Mr. Big presumivelmente possui ou algo assim... Por uma questão de argumento, vamos fingir que é um laboratório secreto de drogas. Um laboratório secreto de drogas SEXY. Seja como for este é um jogo Sega afinal, então o vilão principal é contratualmente obrigado a ter gadgets estilo Robotnik desnecessariamente doidos. O bastardo ainda não está pronto para enfrentar Jackson, então ele vaza e deixa você enfrentando seus lacaios. 

Durante o jogo, MJ veste um terno branco que ele usou no segmento "Smooth Criminal" de Moonwalker. Mas enquanto no filme Miguelzinho usava armas para se defender nessa cena, aqui dispara fogo mágico azul de suas mãos no jogo. 

Existem várias explicações possíveis para isso. Talvez Michael não quisesse se parecer com Rambo. Talvez ele pensou que uma arma era muito genérica para um jogo peculiar como este. Ou talvez, apenas talvez, The Gloved One realmente acreditava que ele tinha poderes mágicos. Nós nunca saberemos com certeza. 

Michael não está impressionado com seus shennanigans,
Mr. Big
Além do botão de ataque tem outro botão no arcade que dispara o especial de Michael... que faz todos na tela dançarem. Mesmo robôs falicamente bem dotados. Que alias são um inimigo recorrente no jogo. É. Sim. Contemple essa imagem mental. 

Além de botar os inimigos para dançar, você tem que resgatar crianças sequestradas pelo Mr Big por... razões... de qualquer forma, Michael dá choque mágico em robos e gangsters, salva menininhas, e de vez em quando encontra o seu macaco de estimação, o Mr. Bubbles... que o transforma em um mecha gigante que atira lasers. Eu juro. Uau. Apenas uau. 

Totalmente aleatório? Certo. Mas ele se transformou em The Jacksonator no filme também... o que diz muito sobre o filme... 

O primeiro nível é realmente curto e muito fácil. Não deve demorar mais de dois ou três minutos para terminar e você teria que ser muito ruim para morrer nele. O nível nem sequer tem um chefe adequado: se você carregar completamente o seu laser, você pode realmente matá-lo em um hit. Nesse ponto eu acredito que Michael realmente programou o jogo sozinho, porque o arcade não tenta muito desesperadamente arrancar todas suas fichas no primeiro segundo possível. Usualmente arcades são desenhados com design de "cada centímetro desse jogo te odeia", mas Moonwalker é relativamente sussa para um arcade.

Aquele momento mágico em que você e um bando de zumbis
dançam... Another Part of Me, é claro!
Cada fase tem uma versão em midi de um sucesso do Michael: Bad, Smooth Criminal, Beat It, Billie Jean (nos créditos) e uma inescapável fase do cemitério onde é claro que toca... Another Part of Me. Espera, o que? Não, sério, porque não toca Thriller na fase do cemitério? Sério Michael, o que aconteceu aqui?

Enfim, o midi é reconhecivel mas os arcades da época podiam fazer melhor. Exceto a parte em que o Mr. Big diz com sua voz digitalizada ""I love you Michael.... to DEATH!". Pena só não ser a voz do Joe Pesci.

Enfim, Moonwalker é um beat'm up bastante curto e progressivamente estranho - mesmo para os padrões dos videogames - mas meio que um estranho bom, tal qual Michael  era.

Eu não acho que a memória de Michael Jackson estaria melhor honrada do que com esse jogo.



Nenhum comentário:

Postar um comentário